Questões Comuns

Perguntas Frequentes

O trabalho realizado por um advogado criminalista consiste na defesa criminal da pessoa suspeita, investigada ou acusada de algum delito criminal, seja perante a Autoridade Policial, na fase investigativa, ou perante o Poder Judiciário, em uma ação penal.

Sim, mas não é o procedimento correto, pois as informações prestadas são imprecisas ou equivocadas.  Dá mesma forma que você não se consulta com um médico por telefone, também, não é aconselhável se consultar com advogado a distância.

Através de consulta pessoal, com agendamento de horário para análise do caso concreto.

Sim, porém, as informações prestadas na internet servem apenas de base de estudo para o profissional; para o leigo, sem conhecimento jurídico ela mais confunde do que esclarece.

Buscar orientação com um profissional que se dedique na sua causa especificamente; ser acompanhado de um advogado criminalista em qualquer repartição pública; não falar qualquer coisa que possa ser interpretado em seu prejuízo durante a prisão ou durante a investigação criminal; responder ao processo sempre que for convocado; fazer uma defesa desde a fase do inquérito policial; etc.

A primeira coisa a fazer é saber se o profissional que você está contratando é advogado e possui inscrição na Ordem dos Advogados Brasil. A segunda, evite profissional que trabalhe por atacado, que não se dedica de uma forma personalizada no direito criminal, que possua experiência reconhecida, que não diga que tudo será resolvido por meio de um simples telefonema ou de forma muito simples. Lembre-se que a advocacia criminal é uma arte que se aplica a um caso concreto que demanda tempo, estudo e aplicação jurídica eficaz até mesmo pelos mais experientes e renomados criminalistas.

Melhor do que saber quanto custará a contratação de um advogado, é saber qual o tipo de serviço que será prestado pelo profissional. Exemplo: A defesa será feita em processo criminal? A defesa será feita durante o inquérito policial? Em ambos os casos? O réu está preso? O réu está solto? Há risco de prisão? Os crimes cometidos são apenados com reclusão? Prisão em Regime Fechado? Aberto ou Semiaberto? Será Realizado a defesa em instâncias superiores? Enfim, são várias as questões que devem ser avaliadas e respondidas antes de buscar genericamente qual o custo de uma defesa criminal, porque isso implica diretamente no grau de dificuldade da causa que será percorrida pelo advogado, e caso essas perguntas não sejam realizadas pelo cliente ou evitadas pelo profissional, certamente ele será o primeiro a se beneficiar desta inércia, podendo ocasionar futuramente prejuízo irreparável para você.

A consulta deverá ser agendada nos telefones (17) 3364.4999; (17) 99771-6161 (WhatsApp).
Ou por E-mail: contato@ebarretoadvogados.com.br

Não obstante estarmos sediados no estado de São Paulo, o Edlênio Barreto Advogados Associados atua em todos os estados da federação.

Dúvidas Frequentes

A primeira coisa a fazer em caso de prisão em flagrante é manter a calma, segundo exija seu direito constitucional de telefonar para um familiar e se manter em silêncio e sempre que possível informar que deseja ser acompanhado por advogado, informando o nome do defensor e o telefone que pode ser encontrado. É prerrogativa dos advogados se comunicarem com seus clientes antes mesmo desses serem ouvidos por qualquer autoridade.

A notificação policial ocorre geralmente por dois motivos: ou porque você é testemunha de algum fato criminal ou porque você é investigado em algum inquérito policial. Assim sendo, será necessário comparecer na sede da delegacia, para tanto, recomenda-se que se comunique antecipadamente com um advogado, o qual poderá tomar conhecimento prévio sobre o assunto, inclusive com a obtenção de cópias da investigação, e também o acompanhar durante a oitiva.

A contratação de advogado é opcional, mas muito vantajosa. O depoimento pessoal extrajudicial (na Polícia) é o primeiro momento para atuação da defesa e um grande passo para o sucesso do futuro processo, se for o caso. Inclusive o advogado poderá interferir para que não sejam produzidas provas induzidas pelo Agente Público, ou mesmo formular perguntas e quesitos que poderão esclarecer melhor os fatos.

Se você foi indiciado é porque provavelmente autoridade policial, se convenceu que existem indícios de que você é o Autor do delito praticado. Deste modo, é importante procurar a orientação jurídica imediatamente e se preparar para um futuro processo criminal.

Significa que a denúncia do Ministério Público já foi oferecida e que você está sendo formalmente acusado de ser Autor/Coautor em um crime. Esse é o momento em que você deve fazer a sua defesa no prazo legal de 10 dias. Caso não a faça, o processo será encaminhado à Defensoria Pública, que apresentará a sua defesa.

A contratação de um profissional particular é opcional. Em que pese os dignos esforços dos defensores públicos de todo o país, infelizmente é notável que uma defesa patrocinada por profissional privado capacitado e especialista é mais eficiente que a defesa geralmente apresentada pela Defensoria.